top of page
  • Ingrid Miranda

Profissão: assistente

No ano passado eu comecei um estágio que iria mudar minha forma de ver o mundo da Moda, pelo menos na minha cidade. Comecei a trabalhar com uma stylist sensacional, que me ensinou muito mais do que ela pode imaginar! Foram, ao todo, quase nove meses de trabalho e, literalmente, isso foi um parto... tiveram momentos tranquilos, agitados, cheios de trabalho que eu não conseguia nem respirar. Mas tudo foi fundamental para moldar a profissional que eu quero ser.

A função de assistente, como a própria Luiza Bomeny (representante do Istituto Marangoni) disse durante uma palestra na minha faculdade, "é a melhor maneira de entrar no mercado de trabalho além de te ensinar muito mais do que qualquer curso". E é verdade. Meu trabalho era fazer de tudo, sempre. Antes das produções eu e minha chefe (que mora em SP mas trabalha em BH) fazíamos reuniões para compreender o mood daquela coleção do nosso cliente. Eu acompanhava nas reuniões de edição (quando são selecionadas as roupas que serão fotografadas, a ordem, se necessitaremos que a marca produza algo a mais para as fotos...); fazia toda a produção, o que consistia em visitar diversas lojas para buscar acessórios, sapatos, bolsas para complementarem a produção de maneira temática, agregando ainda mais valor às roupas - além de ser responsável igualmente por todos esses produtos; além de lojas, algumas vezes nós mesmas tínhamos que criar algo, como pintar flores de palha com spray, ou criar bolsas feitas de chapéus - tudo para que a produção vivesse aquele mood completamente e isso fosse melhor transmitido para os consumidores do nosso cliente.

Meu trabalho começava uma semana antes do shoot, justamente por toda essa preparação por trás da cena. No dia das fotos, eu chegava com toda a produção, organizávamos por acessórios, preparávamos as roupas (que já estavam na ordem) e, depois, minha responsabilidade era auxiliar a modelos ao vestir, fazer os necessários ajustes no corpo dela com clipes, enquanto minha chefe cuidava do styling e coordenava as fotos. Ah, também é primordial crepar os sapatos, para evitar sujar tanto eles quanto o fundo branco do estúdio, quando presente. As fotos, em geral, duravam 12 horas direto, com break para almoço, claro. E, no final, eu recolhia tudo novamente (de maneira sempre organizada para evitar eventuais perdas ou danos) e no dia seguinte entregava cada produto em sua respectiva loja.

Resumindo, eu estava ali acompanhando desde a pesquisa pré shoot, tendências, booking de modelos etc, até a concretização da produção que SEMPRE me deixava com os olhos brilhando de tão lindas. E, nesse job, eu tive o prazer de conhecer inúmeras modelos, muitas com carreira internacional forte, sempre muito fofas, além de fotógrafos sensacionais, maquiadores talentosos, diretores de arte, comunicação, os donos das marcas, as costureiras e, principalmente, desenvolvi MUITOS contatos com donos e gerentes de lojas importantes, tanto de shopping como de rua, o que era primordial no momento da produção.

Quando eu terminava a entrega dos acessórios era quando a correria diminuía um pouco e eu conseguia relaxar na hora de dormir rs só até tomar fôlego para a próxima hehe

Em alta temporada, como dezembro e janeiro, tínhamos produções com marcas diferentes toda semana, o que significava que eu trabalhava praticamente os 30 dias do mês. Era muito cansativo e, algumas vezes, estressante. Mas quando eu via o resultado... enchia meu olho de emoção e uma pitada de orgulho. Um vício maravilhoso!

Ah, e tudo isso dependia se as fotos seriam de lookbook ou conceitual - ou ambas. As fotos de lookbook, em geral, são realizadas em estúdios de fotografia, com um fundo definido (sendo trocado no máximo três vezes). A modelo já entra no automático das poses, sai correndo pra entrar no próximo look e não muda muita coisa durante todo o processo. Já as fotos conceituais são mais artísticas, na maioria em locação externa, onde podemos deixar nossa criatividade florir e usar itens de conceito - pra transmitir a essência da mulher que vai usar aquela marca. Em ambos os casos o efeito sempre é lindo, principalmente pra quem trabalha no backstage... ver tudo tomando forma é como mágica!

Coloquei na galeria algumas fotos para ilustrar toda essa minha jornada. E INDICO super para todo mundo se dedicar a ser assistente de algum profissional que vocês admirem e que possa te ensinar muito!!!


Meu portfólio online: behance.net/ingridrusso

bottom of page